Outro recorde/Dilma: juros do cartão, mais altos em 21 anos

E depois tem gente que reclama do mensageiro, isto é, do jornalista, que não inventou os números (muito menos as pedaladas fiscais, que levaram a toda essa trapalhada). Os juros do cartão de crédito (rotativo, que você só evita se pagar a fatura inteirinha no vencimento) estão em estratosféricos 395% ao ano. Dá mais de 14% ao mês. Pra um IPCA (inflação oficial) que em agosto talvez dê 0,25. Muito mais de 40 vezes a inflação. Um escândalo.