17 anos depois do crime e 8 anos depois da denúncia

O ex-governador de Minas Gerais, Eduardo Azeredo, PSDB, foi condenado a 20 anos e 10 meses. Em regime fechado.
A juíza concluiu que ele cometeu vários crimes na campanha eleitoral de 1998. Ora com dinheiro público, ora com doações ilegais de empresas privadas. É o mensalão mineiro e/ou mensalão tucano.
Detalhe: o PSDB não expulsou Azeredo, que foi um de seus fundadores.
Mais detalhes nos links:
http://g1.globo.com/minas-gerais/noticia/2015/12/justica-condena-azeredo-20-anos-de-prisao-por-mensalao-tucano.html
http://mobile.valor.com.br/politica/4361210/azeredo-e-condenado-20-anos-de-prisao-por-mensalao-tucano