Saqueador e Recebedor

Só em 3 operações da Polícia Federal deflagradas hoje, roubo mínimo de R$ 1,162 bilhão. Roubaram de você, de mim, de todos nós.
Ferrovias, desmatamento, campanha política etc.
Obrigada, srs. governantes. 
Detalhe: lá pras 10:00, site da polícia federal não abria de jeito nenhum. Acabou de voltar.
Deve ter congestionado.
As operações são:
“Saqueador” – investiga organização criminosa comandado pelo bicheiro de Goiás, Carlinhos Cachoeira (preso hoje), em aparente sociedade com o ex-grande amigo do ex-governador do Rio.
Refiro-me a Fernando Cavendish, dono da Delta, de construção, famoso pela amizade com Sérgio Cabral, ex-governador do estado mais quebrado do Brasil.
Prejuízo estimado, segundo investigadores: R$ 370 milhões. “Tabela Periódica” – braço da Operação Recebedor (de fevereiro).
200 policiais federais em 9 Estados investigam fraude nas ferrovias norte-sul e leste-oeste.
Prejuízo estimado preliminarmente: R$ 630 milhões.
“Rios Voadores” – usurpação de terras federais na Amazônia para criar gado, plantar soja e ou desmatar madeira = R$ 162 milhões.
Haja imposto.
Haja déficit público.