Talento demais, investimento de menos

Neymar, Fernando Meirelles, Deborah Colker.
Foram muitos os que brilharam no Rio de Janeiro nas duas últimas semanas, resgatando nosso orgulho de ser brasileiro. 
As Olimpíadas acabam de comprovar ao mundo, ainda uma vez, que talento temos de sobra.
O que nos falta é investimento – em educação, saúde, segurança.
A autoestima do brasileiro, que andava tão combalida, sai vitaminada – graças a nossas estrelas, tanto da área artística quanto dos esportes.
Tomara que esse sentimento se reflita nas urnas em outubro.
O eleitor está com a faca, o queijo e a Lava Jato na mão para exigir mais governança.
Candidatos a prefeitos e vereadores bem poderiam se mancar desde já.
Uma sociedade cada dia melhor como a nossa merece e precisa de políticos também melhores.
E cada vez menos desonestos.
Seria o mais precioso legado destes fantásticos jogos olímpicos.